RJ NEWS ONLINE
Cotação
RSS

Capivara é resgatada no Lagomar

Publicado em 16/01/2021 Editoria: Meio Ambiente sem comentários Comente! Imprimir


O animal, que é de porte médio, está em bom estado de saúde e será devolvido à natureza no Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba

O animal, que é de porte médio, está em bom estado de saúde e será devolvido à natureza no Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba

Equipes das Secretarias de Ambiente e Sustentabilidade e de Ordem Pública, por meio da Guarda Ambiental, resgataram na manhã desta sexta-feira (15), uma capivara no bairro Lagomar.  O animal, que é de porte médio, está em bom estado de saúde e será devolvido à natureza no Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba.

De acordo com informações do servidor da Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade, Fernando Barreto, que acompanhou a ação junto à Guarda Ambiental, a capivara é jovem e seu nome científico é “Hydrochoerus hydrochaeris”, uma espécie de mamífero roedor da família “Caviidae” e subfamília “Hydrochoerinae”.

"Nós recebemos autorização do gestor do Parque de Jurubatiba e vamos devolver o mamífero para seu habitat", disse. Ele acrescentou, ainda, que diversas capivaras estão sendo vistas no bairro Mirante da Lagoa, e que a intenção é fazer uma cerca no local, em breve, para evitar que esses mamíferos sejam atropelados ou sofram com alguma ação do homem.

Fernando ressalta que o cidadão que caçar um animal silvestre, poderá ser multado. "A caça é proibida e está incluída na Lei nº 9.605 de 1998, que prevê sanções penais e administrativas", ressaltou.

Para quem desejar colaborar, denunciar crimes ambientais e até mesmo contatar a Guarda Ambiental ao encontrar um animal silvestre, o telefone do plantão 24h é (22) 99701-9770. 

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário