RJ NEWS ONLINE
Cotação
RSS

Hemoterapia: com ajuda de doadores quer garantir estoque

Publicado em 28/12/2020 Editoria: Saúde sem comentários Comente! Imprimir


A doação de sangue é uma ação importante de cidadania e solidariedade. O Serviço Municipal de Hemoterapia da Secretaria de Saúde de Macaé, que funciona de segunda a sexta-feira e atende diversos municípios da região, orienta a população sobre a importância da doação permanente.

Durante o período de férias muitas pessoas deixam de procurar o serviço espontaneamente, sendo a maioria o doador de reposição. A gerente do Serviço, Rosângela Murta ressalta que nesta época do ano, há uma queda nas doações. "Queremos que todos se tornem doadores fiéis, pois o ato de doar sangue é um processo simples, rápido e indolor”, frisou.

Covid -19 - Muitas pessoas deixaram de doar com medo dos riscos de contaminação da Covid-19 ou ficam em dúvida se podem fazer a doação após o contágio. Rosângela explica, que os profissionais estão tomando todas as medidas de segurança, e as pessoas que tiveram a doença e apresentaram sintomas leves, podem doar após 30 dias.

Ela lembra que todos os tipos de sangue são importantes e necessários para manter um estoque que atenda à demanda. "O desafio é atingir 100% de doadores espontâneos, e dependeremos cada vez menos dos familiares para reposição de sangue, pois os mesmos já se encontram em situação fragilizada e com atenção voltada ao paciente - observa.

Além de Macaé, o banco de sangue também abastece cidades como Quissamã e Conceição de Macabu.

Para doar - Para doar sangue é necessário que a pessoa esteja em boas condições de saúde; apresente documento com foto, emitido por órgão oficial válido em todo território nacional; pese acima de 50 quilos e tenha idade entre 16 e 60 anos. No caso dos menores, é necessário o consentimento do responsável para cada doação.

A unidade fica localizada na Rua Dr. Bueno, anexo ao Hospital São João Batista, funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h, para atendimento ao público em caso de doação, e 24 horas quando o assunto é banco de sangue.

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário