RJ NEWS ONLINE
Cotação
RSS

Atividades ambientais despertam atenção de estudantes em Casimiro

Publicado em 23/05/2014 Editoria: Meio Ambiente sem comentários Comente! Imprimir


Casimiro possui pouco mais de 31% de seu território coberto por remanescentes florestais

Casimiro possui pouco mais de 31% de seu território coberto por remanescentes florestais

Considerada um dos biomas mais ameaça­dos do planeta, a Mata Atlântica é o domínio de natureza mais devastado do Brasil. Por conta des­sa e outros, diversos es­tudantes da rede munici­pal de ensino de Casimi­ro de Abreu terão a opor­tunidade de enriquecer os conhecimentos sobre os recursos naturais. As ações servirão para lem­brar o Dia Internacional da Biodiversidade, co­memorado no último dia 22, e o Dia Nacional da Mata Atlântica, que será no dia 27.

Na segunda-feira, dia 26, as ações ambientais chegam às escolas muni­cipais Rosa Branca, bem próximo à entrada do Sana e no Colégio Muni­cipal Casimiro de Abreu, no distrito de Barra de São João. De acordo com a secretaria municipal de comunicação – Secom, nas unidades serão desen­volvidas dinâmicas que abordarão as característi­cas da área preservada de Mata Atlântica presente no município.

De acordo com o di­retor do departamento de Meio Ambiente, Luiz­mar Mozer, o mesmo as­sunto será abordado com os estudantes na terça-fei­ra, dia 27, só que desta vez, na Escola Municipal Padre Francisco Blasco Peres - Padre Paco, às 10 horas, e CIEP Brizolão Municipa­lizado 406 Ludevis Tei­xeira Bastos, às 14 horas. “Vamos mostrar o que tínhamos antes e o que restou da mata. Isso ser­virá para trabalharmos a consciência ambiental desses jovens”, disse.

Já o secretário muni­cipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sus­tentável, Maurício Por­to, explicou que a ação colabora para que o pú­blico alvo conheça cada vez mais a realidade am­biental em que estão in­seridos. “É uma forma de incentivarmos também a preservação”, relatou. Um dos biomas mais ri­cos em biodiversidade do mundo, a Mata Atlân­tica, chegou a ocupar quase todo o território brasileiro. Atualmente, restam 7% de sua área original.

Casimiro de Abreu possui pouco mais de 31% de seu território co­berto por remanescentes florestais. As comemora­ções pelas datas começa­ram na quinta-feira, dia 22. Os alunos da Escola Agrícola tiveram a opor­tunidade de aprender sobre conhecimentos e plano de manejo do par­que municipal Córrego da Luz. Após eles foram levados para conhecer os limites, algumas trilhas, bem como a fauna e flora do parque. 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário