RJ NEWS ONLINE
Cotação
RSS

ANP autoriza construção de trecho marítimo da Rota Cabiúnas

Publicado em 25/04/2014 Editoria: Economia sem comentários Comente! Imprimir


Agência Nacio­nal do Petró­leo (ANP) já concedeu aval para o consórcio Cabiú­nas 1 iniciar a construção do trecho marítimo do gasoduto Rota Cabiúnas, linha que levará o gás produzido no pólo pré­-sal da Bacia de Santos para o Terminal de Cabi­únas (Tecab), instalado no município de Macaé.

O projeto contem­pla a interligação com a extremidade do trecho submarino de exportação Lula NE/Lula (área de Iracema), as esperas para interligações futuras e a chegada à praia do Lago­mar, que fica próximo ao Tecab, além das instala­ções do trecho terrestre do gasoduto Lula/Cabiú­nas.

O trecho marítimo do duto terá cerca de 278 quilômetros de extensão e será instalado em pro­fundidade de até 2.232 metros. A linha terá ori­gem no quilômetro 101,5, da Rota Cabiúnas, com destino ao Campo de Lula. Ao todo, o projeto Rota Cabiúnas terá 394 quilômetros de extensão e capacidade nominal de escoamento de 13 mi­lhões de metros cúbicos por dia. O novo duto pos­sibilitará a ampliação do processamento de gás do sistema Tecab-Reduc de 23 para 28 milhões me­tros cúbicos diários.

Já o trecho terrestre tem aproximadamente 4,1 quilômetros de diâ­metro nominal de 24 in. O traçado inicia no pon­to de interligação com o trecho submarino, após a zona de arrebentação, na praia do L agomar.

O Terminal de Cabi­únas opera desde 1982 e hoje é considerado um dos maiores polos de processamento de gás natural do país. A sua ampliação faz parte do projeto “Rota Cabiúnas”, integrante do Plansal. O consórcio Cabiúnas 1 é composto por Petrobrás, BG, Petrogal e Repsol.

 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário