RJ NEWS ONLINE
Cotação
RSS

Massa revela visita a Schumacher e diz acreditar em recupeção total de alemão

Publicado em 11/02/2014 Editoria: Esporte sem comentários Comente! Imprimir


Piloto da Williams afirmou que visitou heptacampeão de F1 no hospital e cita acidente de Cristiano da Matta para apostar na melhora do ex-piloto

Felipe Massa e Michael Schumacher foram companheiros de equipe na Ferrari por somente uma temporada, em 2006. O curto período, no entanto, não impediu que uma forte amizade surgisse entre os dois. E agora, com o alemão entre a vida e a morte após um acidente de esqui no fim do ano passado nos Alpes franceses, o atual piloto da Williams na Fórmula 1 revelou que já o visitou no hospital e citou outro brasileiro para dizer que acredita na total recuperação do ex-parceiro.

“Do Schumacher eu tenho informação a cada dia. Eu ligo para saber, tenho uma amizade. Fui lá visitá-lo em um dia que não tinha ninguém da imprensa. A vontade é estar lá e passar a maior energia possível para ele. Não é para fazer barulho que você vai lá, isso não interessa. O que interessa é passar a maior energia e amor como amigo para ele e a família dele. Rezo todo dia por ele”, afirmou Massa.

O brasileiro preferiu não dar detalhes de como foi esta visita ao heptacampeão mundial de F1. O piloto falou apenas que a sensação é de que Schumacher está apensas dormindo.

“Eu me senti até bem de estar lá. Ele está dormindo. Olhando para ele, é como se qualquer um de nós estivesse dormindo. Acompanhei de perto, mas prefiro guardar para mim e continuar torcendo. O cérebro é uma coisa tão impressionante que depende dele, da força dele, sair dessa”, disse Massa.

O piloto da Williams lembrou, inclusive, de um acidente com outro brasileiro para mostrar que aposta na recuperação total de Schumacher. Em 2006, Cristiano da Matta competia pela Indy quando atropelou um cervo durante um teste em Elkhart Lake (EUA). A lesão cerebral foi semelhante à do alemão.

“Tiveram casos em que a pessoa teve uma lesão parecida e está vivendo normalmente. No Cristiano da Matta você não vê sequela alguma. Sou confiante pela pessoa que ele é, esportista que é. Ser esportista pode ajudar o Michael a voltar. Continuo rezando e vai dar tudo certo”, falou Felipe.

Schumacher se acidentou em uma estação de esqui em Meribel, na França, no dia 29 de dezembro de 2013 e sofreu diversas lesões cerebrais. Desde então, o ex-piloto está em coma induzido.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário