RJ NEWS ONLINE
Cotação
RSS

Feriados movimentam cidades do interior do estado

Publicado em 19/04/2015 Editoria: Turismo sem comentários Comente! Imprimir


O mês de abril está movimentando as cidades do interior do estado. Durante o feriado de Tiradentes (de 17 a 21/4), a média geral de ocupação é de 79,64%, chegando a 90% na Costa Verde e Região dos Lagos. Já no feriado de São Jorge (de 23 a 26/4), a média de procura por vagas em hotéis e pousadas é de 66,07%.

Além do feriado prolongado, a região do Vale do Café recebe o evento Café, Cachaça e Chorinho de sexta-feira (17/4) a terça-feira (21/4). A taxa de ocupação dos quartos já chega a 85%. Na região Serrana, o índice é de 55%. No feriado de São Jorge, a Costa Verde lidera a procura, com ocupação de 79, 5% até o momento, seguida pela Região dos Lagos (70,5%), Vale do Café (66,5%) e Região Serrana (50%).

Para o secretário de Turismo, Nilo Sergio Felix, a valorização dos serviços turísticos dessas cidades ajudam a aumentar o turismo de curta distância.

– O interior do estado tem recebido um aumento expressivo de visitantes nos feriados e finais de semana. O Estado está fazendo uma importante campanha para promover os municípios do interior junto aos cariocas e aos turistas que vêm à cidade do Rio. Em paralelo, estamos realizando uma série de ações e seminários nestas regiões, a fim de ampliar a qualidade de seus serviços e equipamentos turísticos – disse.

Um dos exemplos, foi o lançamento do Guia Cultural da Costa Verde, na quarta-feira (15/4), que reúne mais de cem atrativos dos municípios de Paraty, Angra dos Reis, Mangaratiba e Itaguaí. Elaborada com o apoio do Governo do Estado, a publicação apresenta manifestações culturais típicas, centros culturais e restaurantes da região. O guia cultural, que terá tiragem de 6 mil exemplares e será distribuído gratuitamente, inclui ainda um calendário com as datas das principais festas e eventos realizados na Costa Verde.

– O bom desempenho da hotelaria no interior do estado é influenciado pela presença dos turistas de outras cidades do Rio de Janeiro e da capital, que representam até 80% do público, principalmente durante o feriado de São Jorge. Além disso, eventos como o Café, Cachaça e Chorinho, no Vale do Café, incrementam pontualmente a ocupação e atraem visitantes – afirmou o presidente da ABIH-RJ, Alfredo Lopes.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário